domingo , 22/10/2017
Breaking News
Home / INSPIRAÇÃO / Anúncio / Cartaz / Comunicação em cena: 10 filmes que você não pode deixar de assistir

Comunicação em cena: 10 filmes que você não pode deixar de assistir

Comunicação tem a tudo a ver com cinema, certo? Pegando o embalo do fim de semana, começamos aqui uma lista interminável de dicas para estudantes e profissionais da nossa área de filmes que falam sobre o que a gente gosta de fazer.

Se você não viu algum dos que estão listados abaixo, veja. Se tem outro que você já viu e que não está aqui, comente abaixo ou deixe-nos um recado no Facebook ou em nosso Twitter.

1 – Do que as Mulheres Gostam

Mel Gibson interpreta Nick Marshall, um publicitário machista que após sofrer um grave acidente adquire o dom de ler o pensamento das mulheres. A situação começa a esquentar quando seu tão sonhado cargo de diretor de Criação é preenchido por Darcy McGuire (Helen Hunt), uma mulher tão capaz de realizar anúncios publicitários quanto ele.

Este filme mostra uma questão importante no Marketing: compreender o ponto de vista alheio. O aprendizado do filme é saber ouvir seu cliente e melhorar o relacionamento com ele.

2 – Amor por Contrato 

Amor por Contrato é uma interessante crítica contra os abusos do marketing e o descontrolado excesso de consumo da sociedade moderna. O filme mostra uma luxuosa família que acaba de mudar para um bairro novo. A bela Kate (Demi Moore), o simpático maridão Steve (David Duchovny) e os charmosos filhos Mick (Ben Hollingsworth) e Jenn (Amber Heard) formam a família perfeita, que imediatamente passa a ser o centro das atenções, sempre pelos melhores motivos.

Porém, essa família perfeita na verdade é uma farsa. Eles fazem parte de uma campanha de “marketing pessoal” que pretende vender diversos produtos luxuosos a famílias de todo o mundo.

3 – Jerry Maguire – A Grande Virada

Depois de uma crise de consciência, o bem-sucedido agente esportivo Jerry Maguire (Tom Cruise) escreve um documento defendendo que os agentes deveriam cuidar da carreira dos atletas de forma mais humana, ainda que isso significasse ganhar menos. Depois disso, acaba sendo demitido da consultoria onde trabalhava e perde seus clientes, à exceção do jogador de futebol americano Rod Tidwell (Cuba Gooding Jr).

O filme aborda muito bem o marketing de relacionamentos, especialmente na questão de gestão cliente x profissional do atendimento. Também aborda a fidelidade e maneiras criativas de cativar seu cliente.
4 – A Rede Social

Em uma noite de outono em 2003, Mark Zuckerberg (Jesse Eisenberg), analista de sistemas graduado em Harvard, se senta em seu computador e começa a trabalhar em uma nova ideia. Apenas seis anos e 500 milhões de amigos mais tarde, Zuckerberg se torna o mais jovem bilionário da história com o sucesso da rede social Facebook. O sucesso, no entanto, o leva a complicações em sua vida social e profissional.

O filme nada mais é do que uma inspiração do que fazer (ou o que não fazer) para empreendedores e novos criadores de Redes Sociais.

5 – Os Estagiários

Billy (Vince Vaughn) e Nick (Owen Wilson) são grandes amigos e trabalham juntos como vendedores de relógios. Eles são pegos de surpresa quando seu chefe (John Goodman) fecha a empresa, por acreditar que o negócio esteja ultrapassado. Com problemas financeiros, eles conseguem a inscrição em uma seleção de estágio no Google. Mesmo sem terem a garantia que serão contratados, eles partem para a sede da empresa e lá precisam lidar com a diferença de idade entre eles e os demais competidores.

6 – O discurso do Rei

Conta a história do Rei Jorge VI que assume o trono e é oficialmente quem se comunica com a população, porém ele é gago e o filme mostra o intenso trabalho de Lionel Logue, o fonoaudiólogo, para desenvolver a comunicação do Rei.

7- Hancok

Hancok é um super herói mal humorado com sérios problemas com sua imagem, então, Ray Embrey, um Relações Públicas, assume a missão de torná-lo bem visto pela sociedade.

8- Obrigado por fumar

Nick Naylor é lobbysta de grandes empresas de cigarro dos EUA e está em   meio a uma campanha contra o fumo, além disso terá que lidar com fortes conflitos morais com sua própria imagem.

9- O quarto poder

Um funcionário demitido, um tiro acidental, um repórter que estava lá por acaso, a manipulação dos fatos e as ordens da audiência. Filme espetacular para refletir sobre o poder da comunicação na sociedade.

10 – MadMan

Na verdade não é um filme, mas uma série, que vale a pena assistir! A premiadíssima série se passa numa agência de Nova York, no início dos anos 1960, mostrando a ascenção dos executivos dentro do panorama social da época, onde sexismo, preconceito racial, cigarros e bebidas alcóolicas eram parte do dia a dia. A série, que não é grande sucesso no Brasil, até porque é exibida apenas na HBO, já teve 39 episódios em três temporadas e já anunciou a quarta para 2010.

About Cínthia Demaria

Webwriter e Social Media. É jornalista e trabalha como Analista de Mídias Sociais, redatora web e assessora de imprensa digital. Tem experiência em Governo 2.0, comunicação empresarial, mídia digital, eventos e redação de jornais de grande circulação. Twitter: @Cika_Demaria. Confira a apresentação completa dela.

Check Also

“Troco likes e SDV” – A psicologia que Freud não explica

Atenta ao comportamento voyer do usuário ativo na Internet e nas emoções despertadas pelas celebridades …

O mundo online de Alice #sqn

Quem nunca teve a sensação de que sua vida está ó… uma bosta quando abre …

2 comments

  1. Olá, Cinthia.

    Gostei muito destas dicas. Como professor universitário, utilizei muito alguns destes filmes junto aos alunos do curso de Publicidade. Gostaria apenas de acrescentar um outro que deveria figurar na lista: "1,99, o supermercado de palavras" (disponível no You Tube). É um filme intrigante, sem diálogos, onde as palavras nos fazem refletir sobre as estratégias de posicionamento de marketing das empresas e o impacto em nossas vidas.
    Aproveito para convidá-la a conhecer meu site (eliasrodrigues.wordpress.com), que edito há 6 anos, sobre marketing e negócios.
    Um grande abraço para você e também para a Silvia Zampar. Sucesso!j

    Elias Rodrigues de Sousa

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: